dia das bruxas

Standard

Esse negócio de homem do saco nunca pegou comigo. Talvez porque nunca tenha visto nenhum. Não conseguia imaginar um homem feio o suficiente só por carregar consigo um saco. O máximo que imaginava era nosso jardineiro, gentil e português velhinho, que trazia sim, um saco, no qual carregava a alfanje e o tesourão e era incapaz de fazer mal a uma minhoca.

Tinha também a história da Cuca vem pegar. Nunca pegou. E eu nem sabia que cara a Cuca teria. Não existia televisão quando eu era muito pequena.  Sim, não só nasci no século passado como na época em que não existia televisão, nem internet nem celular. Como sobrevivi, um mistério!

Mas voltando, nem a Cuca nem o homem do saco.

Agora bruxa tinha sim. Aquela que quando contrariada rogava alguma praga cabeluda do tipo você vai dormir 100 anos ou você  vai dançar sem parar o resto da vida ou você  vai ter colesterol alto e pressão alta sendo vegetariana e magra…não, essa praga foi minha bruxa particular quem rogou.

Bruxa tanto podia ser aquela velha feia com verruga no nariz – de preferência verruga cabeluda – como uma fada má, daquelas invejosas como a madrasta da branca de neve. Eu sabia a cara delas.

Então tinha medo. Mas só se pensasse nelas depois de anoitecer. Aí tinha sim de olhar atrás de todas as portas, de todos os cantos escuros, embaixo da cama, antes de dormir.

Dava um trabalhão. Acho que dormia de cansada.

E hoje, que existe televisão, embora eu assista pouco, se pintar na telinha um filme do Fred Krueger ou mesmo da noiva cadáver, eu ainda fico ressabiada. Como quem não quer nada, ainda entro no quarto só depois de acender a luz e, se não me abaixo pra olhar embaixo da cama, ainda fico pensando no assunto. Vai que…?

Brujas, se las hay no sé, pero…

Feliz dia das bruxas!

2 thoughts on “dia das bruxas

  1. Bípede Falante

    Tive de rir que o velho do saco não pegou nem a Cuca e, sim, a bruxa.
    Eu, da bruxa, nunca tive medo.
    Pra gente ver como cada infância é uma infância!!

    beijoss :)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *