casa de bonecas

Standard

Eu sempre namorei uma casa de bonecas que via toda vez que voltava da escola primária. Bom, pra ver tinha que entrar numa loja como havia antes, misto de papelaria, loja de armarinhos, pequenos consertos, calçados e roupas. E uma casa de bonecas. Dessas que se podia tirar o telhado e ver tudo que tinha dentro. Era um sobrado. Com sala, cozinha, quarto e banheiro. Na realidade, uma casa bem pequena, se fosse real. Mas ali, de papelão e madeira, parecia uma mansão.

Eu sonhava com aquilo. Só sonhava, porque a minha realidade de pouca grana não permitia transformá-la em realidade. Eram os anos da minha infância em que presente de natal  era sapato marrom da escola.

O tempo passou e uns vinte anos depois disso tive meus filhos. Tudo havia mudado menos meus sonhos de consumo. Eu continuava achando o máximo a casa de bonecas.

Maridão é – e sempre foi – prendado. Sabe trabalhar com madeira e é obsessivo com detalhes. Juntou a fome com a vontade de comer e voilá! Fizemos casinhas de boneca para os dois filhos, um menino e uma menina.

Pro garoto um hotel. Quatro andares e um elevador! O elevador era manual, portanto, não havia necessidade de colocar escadas pro dia em que faltasse energia elétrica… Em cada andar um quarto de hotel. Com um tapete diferente! (fomos numa loja de tapetes e nos deram amostras mínimas, dessas de catálogo de carpete. Ficaram perfeitas!)

Para a minha filha uma casa de bonecas. Com sala, cozinha, não lembro se havia banheiro. Fizemos, eu e ela, móveis a partir de caixas de fósforo, coladas umas às outras, pintadas. Havia camas e cômodas, com gavetas que se abriam, com a ponta de um alfinete de quadro de avisos, colorida, pra fazer de puxador.  Chiquérrima!

Os anos passaram, a casa de bonecas foi doada pra outra criança, o hotel continua até hoje guardado num sítio de uma amiga. Pras crianças que forem lá brincarem.

E eu agora ando sonhando com mais casas de bonecas, quem sabe para netos, se os houver. Já tenho até idéias de materiais novos pra usar.

O sonho tem que continuar.

4 thoughts on “casa de bonecas

  1. Allan: só muda o nome, porque no fundo tudo é brincar de casinha, seja ela hotel ou motel. E quem não gosta de brincar de casinha? 😉

  2. Eu sempre fui louca por casa de bonecas e por bonecas. Coleciono bonequinhas do mundo. Compro quando viajo e ganho dos amigos. Vou colocá-las no meu blog uma hora dessas. A coleção está bem grandinha e colorida. Um mimo de se ver :)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *